Preso é morto no Complexo Médico Penal, em Pinhais

Um preso de 26 anos foi morto dentro de uma cela de isolamento na manhã de quinta-feira (14) no Complexo Médico Penal (CMP), em Pinhais, na região metropolitana de Curitiba. João Carlos Cassiano Coelho ficava na 1° galeria, destinada a presos que respondem medidas de segurança e passam por tratamento psiquiátrico, mas tentou fugir da unidade no começo da semana. Por conta da conduta foi colocado no isolamento, que fica em outro corredor.

De acordo com o Departamento Penitenciário do Paraná (Depen), ele estava com outro preso na cela e foi morto depois de um desentendimento com o colega. O local foi isolado em torno das 9h e a Polícia Civil foi acionada. O corpo foi encaminhado ao Instituto Médico Legal (IML).

Além disso foi aberto um procedimento administrativo junto à Corregedoria do Depen, sob responsabilidade da advogada Lucia Beloni Dias.

O CMP foi palco de outras duas mortes em março deste ano, na 4ª Galeria. Os presos tinham 22 e 53 anos e respondiam por crimes sexuais.

Dois presos também foram assassinados no CMP em 2017. Um morreu em abril e o outro em maio.

A Corregedoria do Depen, a Defensoria Pública e o Gaeco (Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado do Ministério Público) também investigam a existência de uma sala de tortura na unidade.

MAIS

Três presos são mortos na Casa de Custódia de Curitiba

Diagnóstico sobre o agente penitenciário preocupa: 69,5% estão insatisfeitos

Preso morre na Casa de Custódia de Piraquara

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s