Um momento de valorização da mulher encarcerada

Um dia de valorização e resgate da autoestima para as mulheres detidas na Penitenciária Feminina de Piraquara. Em uma ação do Conselho da Comunidade da Comarca da Região Metropolitana de Curitiba – Órgão da Execução Penal, em parceria com Schwan Cosmetics e o Sindicato dos Profissionais Autônomos em Beleza e Estética do Paraná (Spabep), foram entregues kits e dicas de maquiagem no dia 5 de março. A ação fez parte da celebração do Dia Internacional da Mulher, comemorado no dia 8 de março, e contou com o apoio da direção da unidade.

Cerca de 500 kits de maquiagem foram distribuídos às apenadas e às funcionárias da PFP. Os produtos foram doados pela Schwan. A empresa mantém um programa de ação social, o Evas, e durante o evento funcionárias fizeram maquiagem em algumas mulheres.

Crédito das fotos: Ricardo Marques de Medeiros

“Foi uma mistura de sentimentos. Muitas coisas mexeram com a gente. A principal foi perceber que pudemos naquelas duas horas trazer algo novo para elas. Uma mensagem de carinho, cuidado e dignidade”, afirmou Luciana Monika, coordenadora de Recursos Humanos da Schwan Cosmetics, empresa alemã com unidade em Curitiba e em diversos países. “Tenho certeza de que nós recebemos muito mais do que elas. Foi muito gratificante.”

As mulheres encarceradas recebem poucas visitas dos familiares. Muitas foram abandonadas pelos companheiros. Longe dos filhos e dos parentes, cumprem suas penas à espera de dias melhores. “Cerca de 20% dessas mulheres recebem visitas e sacolas com alimentos. Em contrapartida, cerca de 70% dos homens encarcerados recebem visitas e sacolas. Para a sociedade, a mulher não tem o direito de errar”, ressalta Isabel Kugler Mendes, presidente do Conselho da Comunidade da RMC.

“O trabalho do Conselho é para aquelas mulheres a única esperança que resta. Sentimos que a entidade tem feito a diferença naquele lugar, na luta e na conquista de direitos para elas”, reforça Luciana Monika.

Outras ações

Parte dos itens de maquiagem doados pela Schwan foi destinada à Cadeia Pública de Rio Branco do Sul, que abriga mulheres e transgêneros. A unidade está organizando uma comemoração em referência ao Dia Internacional da Mulher no dia 12 de março. Cerca de 90 kits serão entregues às encarceradas e para as funcionárias da cadeia.

Alunas do curso de biojoias receberam kits de maquiagem em alusão ao Dia da Mulher.

As mulheres que participaram do Curso de Biojoias organizado pelo Conselho da Comunidade da RMC também receberam itens de maquiagem no dia 7 de março. O curso é ministrado pela designer Silvana Toledo e está com inscrições abertas para a segunda turma até o dia 13 de março. As aulas ocorreram nos dias 14, 15, 21 e 22 de março. No ano passado, o curso de biojoias foi organizado pelo Conselho da Comunidade da RMC na Penitenciária Feminina de Piraquara. Cerca de 50 detentas participaram da oficina.

2 comentários sobre “Um momento de valorização da mulher encarcerada

  1. Acho fascinante quando um ser humano reconhece o outro. Sem qualificar seus erros.
    Acho louvável o dom de compartilhar sorrisos, amenizar a tristeza. Levar esperança de que um dia, tudo vai passar.
    Parabéns a todos os envolvidos.

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s